Artigos

Como fazer um orçamento familiar – passo a passo para colocar sua vida financeira no caminho certo

Se você estiver no mercado para obter novas maneiras de gerenciar suas finanças, considere criar um orçamento familiar. O processo é bem direto e pode ajudá -lo a colocar sua vida financeira no caminho certo. Aqui estão algumas dicas para você começar.

Definindo uma meta

Definir uma meta para o orçamento da sua família pode ajudá -lo a acompanhar seus gastos. Isso pode ser especialmente útil se você estiver lutando para equilibrar suas despesas domésticas. O objetivo pode ser comprar um carro novo, exceto para a educação universitária dos seus filhos ou viajar mais.

Criar um orçamento ajuda você a tomar decisões financeiras alinhadas com suas prioridades. Também pode fornecer a você um sentimento de controle sobre suas finanças e um sentimento de empoderamento diante das adversidades financeiras.

Definir uma meta para o orçamento da sua família é uma ótima maneira de envolver sua família nas metas financeiras de sua família. Isso pode levar a uma melhor comunicação e laços familiares mais fortes. Um orçamento pode ser uma ferramenta divertida e informativa para ajudá -lo a definir e alcançar suas metas financeiras.

Um orçamento também pode ajudá -lo a determinar suas prioridades de gastos. Também pode servir como uma ferramenta de comunicação para manter todos os envolvidos. Pode ajudar você e sua família a ver onde você está gastando dinheiro e onde pode reduzir custos.

Além de ter um orçamento familiar, pode ser uma boa idéia ter uma declaração de missão familiar. Isso pode ser escrito ou exibido em um quadro ou outro local proeminente em sua casa. A declaração de missão deve incluir os objetivos que sua família descreveu, bem como outros assuntos importantes, como onde você morará e onde seus filhos irão para a escola.

Quando se trata de determinar o melhor orçamento familiar, considere quanto dinheiro ganha e quanto gasta a cada mês. A regra geral é que você deve reservar pelo menos vinte por cento da sua renda mensal no orçamento da sua família.

Embora existam muitas maneiras de criar um orçamento familiar, o que você seleciona é o que mais beneficiará sua família. Por exemplo, você pode ajudar seus filhos a aprender lições valiosas de vida e estabelecer uma base financeira sólida.

A melhor maneira de definir um orçamento é discutir seus objetivos e prioridades com sua família. Você pode trabalhar juntos para projetar um plano que funcione para você e sua família.

Identificando suas despesas fixas

Se você deseja fazer um orçamento familiar, deve identificar suas despesas fixas. Essas são as despesas mais importantes. Eles ajudam você a alocar fundos e tornar o orçamento mais simples. Mas você também deve saber sobre despesas variáveis. Eles podem ser difíceis de controlar. No entanto, você pode aprender a ajustá -los e economizar dinheiro no processo.

As despesas fixas típicas incluem hipoteca, aluguel, seguro e pagamentos de carro. Normalmente, eles são pagos em intervalos regulares. Se você pagar suas contas a tempo, não precisará se preocupar com taxas atrasadas ou outros aborrecimentos financeiros.

Algumas de suas despesas variáveis, como gás para o seu carro, podem mudar de mês para mês. Sua conta elétrica, por outro lado, pode variar devido às taxas de seus fornecedores ou ao valor que você usa. Algumas coisas que você pode fazer para reduzir suas despesas variáveis são comprar um seguro de carro mais barato, reduzir o tamanho para um apartamento mais barato e obter um pacote de TV a cabo barato.

Outro motivo para identificar suas despesas fixas é que você precisa planejar emergências. Quando você tiver despesas médicas inesperadas, precisará encontrar dinheiro para cobri -las. Mas se você tiver um orçamento, poderá se preparar para essas emergências, economizando um pouco.

Outras variáveis fáceis de gerenciar são suas contas de serviços públicos, seus custos com alimentos e suas roupas. Você também pode reservar um determinado valor mensal para cada categoria. Você pode fazer isso abrindo contas de poupança separadas para cada uma dessas categorias. Isso tornará mais fácil para você ver o que resta a cada mês.

Para descobrir quais são suas despesas totais a cada mês, você pode começar analisando seus extratos bancários. Você pode dividir suas despesas por doze para obter uma despesa mensal média. Nem sempre é fácil prever quais serão suas despesas, mas os últimos três a seis meses de seus extratos bancários podem lhe dar uma boa ideia.

Em seguida, você pode usar a planilha de rastreador de gastadores de agências de departamentos de proteção financeira do consumidor para descobrir quais são suas despesas variáveis e quanto você deixou. Isso ajudará você a determinar quanta sala de manobra você tem em seu orçamento.

Rastreando seus gastos

Rastrear seus gastos é uma parte importante da construção de um orçamento familiar. Pode ajudá -lo a identificar áreas de sucesso e áreas onde você pode melhorar. Isso ajudará você a economizar mais dinheiro e eliminar dívidas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo